A minha cidade

Lisboa é minha; é tua, que a adoptaste; tua, que a levas no coração; tua, que ainda agora aqui chegaste mas que vais recomeçar. Lisboa é de quem atravessa as passadeiras a correr como se estivesse em Nova Iorque, mas que toma cafés de uma hora com os amigos. De quem não tem medo da… Continue reading A minha cidade

The power of NO

You know those viral letters and quotes thanking to the lovers that went wrong? Well, the feeling of a broken heart and a crushed world that a failed relationship leaves you with, is quite the same as all the “no” you listen when you’re unemployed and looking for a job, isn’t it? I would like to… Continue reading The power of NO

Big City Love

Chaves, carteira, o almoço, uma festinha ao cão – já sabes que nos vemos logo – apagar a luz da entrada, fechar a porta à chave. Desço os primeiros degraus, bolas falta-me o telemóvel, repete-se tudo. Chegada ao metro aproveito para saltitar nas escadas rolantes e ganhar mais uns segundos antes que tenha de correr… Continue reading Big City Love

Pátio de Dom Fradique

São quase 9 da manhã e ainda aqui estou fechado. Eu sei que a drogaria só abre às 9 e meia e o Sr. Domingos atrasa-se sempre às segundas, mas a esta hora já o Zé deve estar a passar por minha casa para depois ir buscar o Manel. Atravessamos sempre juntos o Pátio de… Continue reading Pátio de Dom Fradique

Um, dois, três

Um, dois, três. Acende, apaga, acende. Avanço, recuo, avanço. Inspiro, expiro e inspiro. Sinto-me rebentar. Endireito as rugas da saia sem sucesso. Aliso-as com os dedos. Enquanto faço pressão parece perfeita. Fecho, abro, fecho. Os degraus são infinitos e acabam mal. Chamo o elevador, três vezes. “Tin-dim” “Dim”, repito para mim mesma. Pedi-te que me… Continue reading Um, dois, três

About Madrid: (In my heart and) the heart of contemporary Spain

“Allá donde se cruzan los caminos, donde el mar no se puede concebir, donde regresa siempre el fugitivo, pongamos que hablo de Madrid” J.S. This is my favourite line about Madrid, written by someone who truly understands the city, by someone that truly understands you: Joaquín Sabina. If you’re going to stay in Madrid, allow… Continue reading About Madrid: (In my heart and) the heart of contemporary Spain

A nossa viagem

Lembraste do dia em que nos conhecemos? Daquela tarde de primavera que anunciava um verão impossível. Lembro-me perfeitamente dos teus cabelos desgrenhados e do teu sorriso rasgado, sentado naquele banco como se ali estivesses sempre estado à minha espera. Sabias dos meus medos e das minhas reservas e foste-me conquistando, pouco a pouco, com paciência… Continue reading A nossa viagem